Página Inicial

quinta-feira, 28 de abril de 2016

Sobre sogra: Não chute o balde!!

Hoje é dia da sogra!!

É bem verdade que existem sogras de todos os tipos. Existem aquelas que são amáveis e aquelas que verdadeiramente não aceitam as noras ou tentam controla-las.

A grande pergunta é “ Como lidar com sogras difíceis? ”
E a grande resposta é: Não é nada fácil!!
Mas...você consegue!


Antes de chutar o balde, lembre-se de alguns detalhes importantes:

1.Ela é mãe: 
Está sempre cumprindo o papel de amar e proteger, às vezes o excesso desse amor acaba atrapalhando, mas talvez ela não tenha percebido isso ou não consegue enxergar a situação dessa maneira. Para ela, está apenas cumprindo o papel de mãe.

Ela é ser humano:
 E como todo ser humano, está sempre propensa a errar! Todo mundo comete falhas, até você, como nora já deve ter errado muitas vezes!

Ela é a primeira mulher da vida do seu conjugue: 
Ela foi a primeira referência dele, quem o ensinou os primeiros passos e quem o amou primeiro, ou seja, ele não vai abandoná-la.


Então, para salvar seu relacionamento com a sogra e garantir a paz em família, veja algumas dicas que podem ser bastante úteis:

 Dê atenção: Talvez sua sogra se sinta lesada, por você ter “levado” o filho dela. E quem sabe, se você dedicar um pouco de tempo, carinho e atenção, ela perceba que você não é inimiga! Não precisa dedicar todo o seu tempo a ela, mas uns minutos de conversa, um cafezinho ou mesmo convidá-la para fazer umas compras juntas pode ajudar bastante!

Saiba ouvir: Talvez sua sogra seja daquelas que fala sem parar e nem sempre os assuntos dela te agradem. Mas você pode simplesmente dedicar um tempo à ouvi-la, reter o que for bom e eliminar (ou não dar atenção) as conversas que não te agradam. É uma questão de saber ouvir!

> Não entre em provocações: Se sua sogra faz ou fala coisas desagradáveis que irritam você e seu esposo, ignore-a! Isso mesmo, finja não ligar ou mude de assunto e procure uma desculpa para sair daquela situação. Ou ela vai acabar desistindo das provocações ou você acaba se acostumando a não se importar e terá uma postura que a deixará sem graça.

> Preserve sua intimidade: Não lave roupa suja na frente dela. Evite falar dos problemas que tem com seu esposo à sua sogra, não dê espaço para que ela entre em sua vida e dê opiniões ou tome partido, quando estiverem a resolver alguma situação.

> Evite a dependência: Faça visitas à sua sogra, convide-a para ir à sua casa e quando precisar, busque ajuda dela. Mas não se deixe depender dela. Não permita que ela participe ativamente da vida do casal ou interfira nas decisões referentes à sua casa ou seus filhos.

Leia o texto abaixo:

A LENDA CHINESA DA SOGRA E DA NORA

Era uma vez uma jovem chinesa chamada Lin, que se casou e foi viver com o marido na casa da sogra. Passado
algum tempo, Lin começou a perceber que não se adaptava à mãe de seu esposo. Seus temperamentos eram muito diferentes e a jovem se irritava com muitos dos hábitos e costumes da sogra,
os quais criticava cada vez com mais frequência.

Com o passar dos meses as coisas foram se tornando cada vez piores, a ponto da convivência se tornar insuportável naquela casa. Contudo, segundo as antigas tradições da cultura chinesa, a nora tem que estar sempre a serviço da sogra e obedecer-lhe em tudo.

Mas a jovem Lin, não aguentando a ideia de viver com a aquela mulher por mais tempo, tomou a decisão de ir em segredo consultar um Mestre, velho amigo do seu pai. Depois de ouvir a jovem, o Mestre Huang pegou um ramalhete de ervas medicinais e disse-lhe:

– “Para te livrares da tua sogra, não deves usar estas ervas de uma única vez, pois isso poderia causar suspeitas. Misture-as com a comida, pouco a pouco, dia após dia, e assim ela vai sendo envenenada lentamente. ”

Lin ouviu as palavras do Mestre, que continuou:

– “E para teres a certeza de que, quando ela morrer, ninguém suspeitará de ti, deverás ter muito
cuidado em tratá-la sempre com muita amizade. Não discutas e ajuda-a a resolver os seus problemas. ”

Ao que Lin respondeu:

– “Obrigado, Mestre Huang; farei tudo o que me recomenda”.

Lin ficou muito contente e voltou entusiasmada com o projeto de assassinar a sogra. Durante várias semanas serviu, dia sim, dia não, uma refeição preparada especialmente para a sogra.
Tinha sempre presente a recomendação de Mestre Huang para evitar suspeitas: controlava o temperamento, obedecia à sogra em tudo e tratava-a como se fosse a sua própria mãe.

Passados seis meses, toda a família estava mudada. Lin controlava bem o seu temperamento e quase nunca se aborrecia. Durantes estes meses, não teve uma única discussão com a sogra, que também se mostrava
muito mais amável. As atitudes da sogra mudaram ao ponto em que ambas passaram a tratar-se como mãe e filha.

Certo dia, Lin foi procurar o Mestre Huang para lhe pedir ajuda:

– “Mestre, por favor, ajude-me a evitar que o veneno venha a matar a minha sogra. É que ela transformou-se numa mulher agradável e hoje gosto dela como se fosse a minha mãe. Não quero que ela morra por causa do veneno que lhe dou. ”

Mestre Huang sorriu e abanou a cabeça:

– “Lin, não te preocupes. A tua sogra não mudou. Quem mudou foste tu. As ervas que te dei são vitaminas para melhorar a saúde. O veneno estava nas tuas atitudes, mas foi sendo substituído pelo amor e carinho que lhe começaste a dedicar. ”

É possível sim, conviver pacificamente e, ter um bom relacionamento com a sogra. Para isso, você precisará ter cuidado e muita paciência. Talvez você consiga fazer da sua relação com a sogra uma relação benéfica e transforma-la em um forte apoio para seu casamento. Saber se comunicar com ela é o maior segredo !!!

Espero ter ajudado!
Beijos amadas,
Fiquem na paz do Senhor Jesus Cristo!


10 comentários:

  1. Confesso que não tive sorte com a minha sogra. Que deus a Tenha muito tempo sem mim.

    Beijinhos e um dia feliz

    Coisas de Uma Vida 172

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. infelizmente, muitas pessoas não tem sorte com a sogra né? beijos, muito obrigada pela visita!!

      Excluir
  2. Olha eu não sou fã de sogra não rs...
    Quando casei não tive, depois que divorciei os poucos namorados não tinham mãe rs...
    Tenho dificuldade em lidar com indiretas, ciúmes e etc...
    Deus me abençoe se um dia for para ter que seja um doce rs...

    bjokas =)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então até agora você teve sorte Bell...não é fácil lidar com sogra, algumas são muito difíceis mesmo.Deus abençoe que você tenha uma sogra abençoada, que seja motivo de alegria pra vc!!bjs

      Excluir
  3. Olá... Um assunto superpolêmico, né?!
    Com amor paciente e sábio é possível conviver bem com a sogra e também exercer o papel de sogra! Sou sogra 3 vezes!!! Rsss, com a graça de Deus procuro ser amiga dos meus genros e nora!...

    Um abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade Anete, é superpolêmico!! tem que ter muita sabedoria. Parabéns , que você seja exemplo para muitas sogras.Bjs

      Excluir
  4. Graças a Deus me dou super bem com minha sogra, creio que tem que haver uma certa "noção" e muito amor das duas partes, pois do mesmo jeito que tem sogra que é dificil, tem nora também que não ajuda. A gente tem que entender que nao é uma competição e ambas querem fazer o marido/filho feliz.
    Beijos, Deus abençoe!
    bloguesenhoralima.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também me dou bem com a minha! Você disse uma coisa certa: algumas noras são bem problematicas, nem sempre o problema está na sogra né? bjs!!

      Excluir
  5. Gleise, obrigada pela visita lá na Saia Justa.
    Sogra é assunto polêmico porque há muuitos fatores que se interpoem entre as duas mulheres que amam o mesmo filho. Eu diria que como mulher de Deus nada melhor que orar, ficar calada muitas das vezes quando não se concorda muitas das vezes é mais sábio do que discutir algo que não vai mudar. Também evitar ficar o tempo todo na sogra, comparando entre uma mãe e a outra mãe. Isso gera concorrencia de ambas as partes. Trate com carinho. Quanto a lenda aqui no post que vc dividiu conosco. Comigo daria super errado porque eu jamais iria envenenar quem quer que fosse. Para mim o mandamento
    "Nao matarás", é mandamento de Deus e pronto, nem se discute.
    Grande beijo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. concordo com tudo que você disse, amada.Eu também não teria coragem de fazer isso, o texto é só ilustrativo mesmo...rsrs
      beijos!!

      Excluir

Obrigada pela visita!!
Fique mais um pouco, leia mais..

bjs